sábado, 7 de fevereiro de 2009

Exposição Katyn na Lituânia

Cena do filme de Wajda. Soldados polacos confinados antes de serem assassinados.

Uma exposição polaca sobre o genocídio de Katyń foi aberta na Universidade de Klaipeda, na Lituânia. A mostra é organizada pelo IPN-Instituto da Memória Nacional da Polônia em cooperação com o Instituto Polaco de Vilnius e conta com o patrocínio honorário do primeiro-ministro lituano.
Na abertura da exposição foi apresentado o filme "Katyń" do famoso cineasta polaco Andrzej Wajda.
"Nossa exibição, O Crime Katyń, apresenta informações sobre o pacto Ribbentrop-Molotov, mostrando os alemães e os soviéticos invadindo a Polônia no começo da segunda guerra mundial e finalmente os crimes cometidos contra os oficias polacos em Katyń pelos soldados soviéticos",disse Agnieszka Rudzińska do Institute da Memória Nacional. 
Esta é a primeira exposição preparada por polacos e apresentada na Lituânia. Rudzińska acrescentou que, "a consciência sobre o genocídio de Katyń deve existir também na Lituânia, porque algumas vítimas eram desta região. Mas do lado polaco nunca foi preparada uma exibição como esta em idioma lituano".
Postar um comentário