terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

As etnias da população na Polônia

Cemitério Tártaro em Kruszyniany. Os Tártaros foram liquidados em 18 localidades do território polaco, pelo Rei Jan III Sobieski. Aqueles que se renderam mesmo não tido se convertido ao catolicismo apostólico romano, acabaram recebendo do rei títulos de nobreza.

A Polônia que já foi terra de muitas etnias, desde a segunda guerra mundial, viu diminuir drasticamente os diversos grupos étnicos que sempre habiataram as terras entre os rios Odra e Dnieper. Com a redemocratização do sistema de governo em 1989, o país voltou a se abrir. Os polacos de origem judaica que haviam sido expulsos em 1968 podem agora readquirir suas cidadanias polacas.
Segundo dados populacionais de 2002, a estrutura de nascionalidades e etnias na Polônia estava assim:
Nacionalidade (grupo étnico) - percentual
Polacos 36.658.166 - 95,63%
Silesianos 173.200 - 0,45%
Alemães 152.900 - 0,40%
Bielorrussos 48.700 - 0,13%
Ucranianos 31.000 - 0,08%
Ciganos 12.900 - 0,03%
Russos 6.100 - 0,01%
Lemkos 5.900 - 0,01%
Lituanos 5.800 - 0,01%
Outras 471.500 - 1,23%
Desconhecidas 774.900 - 2,03%
Postar um comentário