segunda-feira, 10 de setembro de 2007

A ponte da Starowiślna

A velha ponte de ferro resiste ao tempo sobre o rio Wisła (vissua) na rua Starowiślna (starovichlna). Aqui vista desde a margem do Podgórze, o bairro ao Sul de Cracóvia. Ponte de muitas histórias e muitos amores, de pequenas e grandes tragédias. Foi através dela também que os judeus do bairro do Kazimierz foram evacuados para o getto de Plaszów.
O campo de concentração foi aberto em dezembro de 1942. Mais de 150.000 cracovianos foram amontoados em Plaszów.
Foi usado para trabalho escravo e local de massacres também. Foi ali que o general Himmler mandou queimar milhares de corpos de prisioneiros, em céu aberto. Em janeiro de 1945, poucos dias antes da liberação da cidade de Cracóvia, a Unidade 10051 do Exército Nazista exumou 9.000 corpos que estavam enterrados em 11 grandes valas de prisioneiros enterrados.
Postar um comentário