sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Casas do Bosque do Papa recuperadas

Foto: FCC

Tratadas e recuperadas da infestação de cupins, as casas do Memorial Polaco, no Bosque do Papa, em Curitiba começaram a ser remontadas. Equipes contratadas pela Prefeitura estão terminando a instalação da Capela Nossa Senhora da Częstochowa, a santa padroeira da Polônia. Na segunda-feira, dia 26, começa a montagem da Casa Furman, outra edificação recuperada.
As duas casas de pioneiros polacos no Paraná, foram desmontadas em dezembro último pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente para que pudessem ser recuperadas, pois o patrimônio estava ameaçado por infestação dos insetos "cupins". Todo o trabalho de desmontagem, tratamento e remontagem têm acompanhamento de um arquiteto especialista em patrimônio histórico. "É um método tradicional e fora do convencional, por isso o trabalho é diferente", diz o diretor de Parques e Praças, Sérgio Tocchio.
Composto por sete casas de troncos de pinheiro encaixados, o Memorial é reconstitui o ambiente viviam os imigrantes polacos que começaram a chegar em Curitiba em 1871 e foram trazidas de colônias ao redor de Curitiba, logo que o Bosque foi aberto, em 1980, após a vinda do Papa João Paulo II a Curitiba. A capela que foi tratada e está sendo remontada acolheu sua Santidade, no gramado do Estádio Couto Pereira, de propriedade do Coritiba FootBall Club, perante mais de 50 mil pessoas.
As equipes de restauro trabalharam no telhado e no piso. A madeira recebeu aplicações de produtos preventivos para evitar novos ataques das pragas. Alguns troncos muito comprometidos foram substituídos por madeira nova. O telhado de barro também foi trocado. Os objetos que estavam dentro das casas foram recolhidos e estão sob os cuidados da Fundação Cultural de Curitiba. Os objetos voltarão após a remontagem das casas. O trabalho de recuperação e tratamento será feito gradativamente em todas edificações que compõem o Memorial Polaco.
O Bosque do Papa abriga anualmente as festas culturais da tradição polaca, como a Święconka (Benção dos Alimentos), no Sábado de Aleluia, e a festa da Nossa Senhora da Czestochowa, em agosto. Ambas as festas faz parte do calendário cultural e de eventos oficial do Estado do Paraná.

P.S. texto publicado no sitio do Jornal "O Estado do Paraná", ao qual acrescentei algumas alterações.
P.S.2 O modelo do Memorial de Curitiba é o mesmo dos "Skansen",  museus étnicos ao ar livre, presentes em algumas regiões da Polônia. O de Nowy Sącz e o de Lublin se parecem muito com o do Bosque do Papa de Curitiba. Como mostro nesta foto abaixo, feita durante uma de minhas visitas.

Skansen de Nowy Sącz - Foto: Ulisses Iarochinski


Interior das casas do Skansen de Nowy Sącz, com destaque para o forno-fogão-aquecedor.
Foto: Ulisses Iarochinski
Postar um comentário