quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Vitória para enfartar polacos

Foto: Oleg Popov - Reuters

A seleção de handebol da Polônia está na semifinal do Campeonato Mundial da modalidade. A passagem para a disputa inédita aconteceu nos últimos segundos para partida contra a Noruega, na noite de ontem, na Croácia.
O tiro que deu a vitória por 31 a 30 foi dado 14 segundos antes do apito final deixando a torcida polaca na quadra e os milhões de espectadores na Polônia em um estudo de euforia como há muito o país não sentia. E a emoção tem tudo para se repetir amanhã, quando enfrentar os donos da casa, a Croácia, pensando na final. Na outra semifinal jogarão França e Dinamarca. A final será domingo no moderno ginásio da cidade de Porec.
Estava empatado em 30 a 30 quando os técnicos pediram tempo. O treinador da Polônia, Bogdan Wenta gritou à sua equipe: "Temos 15 segundos, eles tiraram o goleiro,colocaram o sétimo jogador! É preciso impedí-lo e a trave fica vazia!" E repetiu:"É preciso impedí-lo e a trave fica vazia! Tranquilos temos muito tempo".
Os heróis do jogo dramático foram Sławomir Szmal, Adam Malcher - Artur Siódmiak 3, Bartłomiej Jaszka 1, Krzysztof Lijewski 1, Patryk Kuchczyński 4, Karol Bielecki 5, Bartosz Jurecki 3, Mariusz Jurasik 4, Michał Jurecki, Tomasz Tłuczyński 3, Marcin Lijewski 4, Rafał Gliński 1, Damian Wleklak 2. (os números são os gols que cada um fez).

Com 11 gols de Felipe Borges, a Seleção Brasileira derrotou o Kwait por 27 a 24 (13 a 12) e ficou com a 21ª colocação do Mundial de Handebol Masculino da Croácia, em jogo realizado no Ginásio Jatica, na cidade de Porec.

O portal brasileiro handsport.com.br que está fazendo excelente cobertura do mundial em nenhum momento acreditou nas possibilidades na Polônia. Seus comentaristas o tempo todo falaram na Suécia, França e outros como favoritos. A enquete promovida pelo sítio dá como campeã a Croácia, França, Brasil ou Alemanha. Os polacos de Wenta (não é do verbo ventar nem vender) conseguiram dos internautas apenas 2,2% das intenções e estão na sétima posição entre 12 seleções.
Postar um comentário