quarta-feira, 17 de julho de 2013

Radwanska nua é expulsa de grupo católico


A Polônia é um dos países mais devotos ao catolicismo no mundo. Cerca de mais de 95% da população se declara católica romana.
Em um cenário como esses, não cai bem para uma esportista mostrar as curvas mais íntimas do seu corpo. Pelo menos foi o que aconteceu com a tenista Agnieszka Radwanska, que posou nua para revistas Body Issue Wprost e acabou sendo expulsa do Krucjata Mlodych (Cruzada Jovem), grupo religioso do qual a atleta apoiava.
Assim que as imagens de Radwanska vieram a público, uma grande polêmica foi criada na Polônia e a musa passou a ser alvo de insatisfações da parte mais religiosa conservadora do país.
O padre católico chamado Marek Dziewiecki fez comentou e criticou o ensaio: "É uma vergonha que alguém que tenha declarado seu amor por Jesus esteja agora promovendo uma mentalidade masculina, de homem olhando para uma mulher como uma coisa mais do que uma filha de Deus que merece respeito e carinho".


Número 4 do ranking mundial da WTA, a polaca Agnieszka Radwanska saiu inicialmente na tradicional edição 'Body Issue' da revista ESPN. Conhecida no circuito feminino de tênis pela sua fé católica, Radwanska já protagonizou campanhas na TV de seu país a favor da aproximação dos jovens com a religião.
Neste ano, a semifinalista no último Grand Slam de Wimbledon participou de um comercial no qual soletrou a palavra ‘Jesus' com bolas de tênis e pediu aos conterrâneos para não abdicar da crença.
A organização Krucjata Mlodych afirmou em comunicado que o ensaio, embora não tenha conteúdo explícito, tem o aspecto provocativo, o qual evidenciou o "comportamento imoral" da tenista. Radwanska, até o momento, não emitiu resposta sobre o assunto.
Postar um comentário