domingo, 16 de setembro de 2007

Palácio da Cultura de Varsóvia

Para alguns, uma vergonha nacional. Para outros, o simbolo de um passado de conquistas. No centro da polêmica que divide varsovianos está o Palácio da Cultura, presente do líder soviético Józef Stalin (iuzéf). Situado no local mais central da capital polaca o edificio tem 230,38 metros de altura. Foi construído em 3 anos e inaugurado em 1955. O projeto arquitetônico foi de Lew Rudniew, que afirmou se inspirar em edificios de Chicago e Moscou. Arquitetonicamente é uma mistura de art déco, realismo socialista e histórico polaco. Atualmente está ocupado por sedes de várias firmas privadas e instituições públicas. Possui cinema, teatro, livraria, faculdade (Collegium Civitas) e a maior sala de congressos da Polônia com capacidade para 3 mil participantes. Tempos atrás foi realizada uma pesquisa de opinião pública para saber se a Polônia deveria por a baixo o símbolo soviético. Por pequena margem venceu a derrubada. Mas o mais provável é que ele acabe escondido entre tantos edificios mais altos que estão sendo construídos ao seu redor.
Postar um comentário