segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Gás: nada para a Polônia

A machete principal do jornal Gazeta Wyborcza desta segunda-feira, 12 de janeiro de 2009, é: "Sobre o gás sem polacos". 
A reportagem fala sobre as negociações entre a Rússia-Ucrânia-República Tcheca e União Europeia. A Rússia teria vetado qualquer participação de representantes polacos na comissão da UE que negocia o gás russo e se encerre o conflito. Como se sabe o gasoduto russo para países como Alemanha, França e Itália, passam pela Ucrânia. Esta além de um preço menor ainda recebe pelo trânsito do gás em seu território. A Rússia de uma hora para outra resolveu aumentar o que cobra da Ucrânia, esta não tem como pagar o preço pedido. A Rússia então fechou o escoamento do gás e acusou a Ucrânia de roubar gás do gasoduto e estocar em armazéns subterrâneos da zona rural. A  Ucrânia nega. Mas depois de mais de uma semana de negociações teriam sido assinados protocolos de um acordo para regularizar a situação neste fim-de-semana.
Postar um comentário