terça-feira, 10 de novembro de 2009

Curitiba comemora Independência da Polônia

O General Józef Pilsudski e seu primeiro gabinete de governo em 1918.

A Capela Santa Maria, em Curitiba, é palco nesta terça-feira, das comemorações da data da Independência da República da Polônia. A Cônsul Geral Dorota Joanna Barys programou concerto do pianista polaco Marian Sobula.
A data de 11 de novembro de 1918, que marca a volta da Polônia, ao mapa dos Estados do mundo, também foi o do encerramento da Primeira Guerra Mundial. A Polônia que viu sua primeira República ser aviltada em 1795 com a ocupação de seu território e Estado pelas tropas invasoras dos reinos da Rússia, da Prussia e do Império Áustro-húngaro, passou 127 anos da trevas da democracia. Em que pese a história brasileira e ocidental ignorar o ano de 1453, foi a República Nobiliária da Polônia e Lituânia a grande precursora dos ideais democráticos da Independência dos Estados Unidos da América do Norte em 1776 e da Revolução Francesa em 1789.
A constituição polaca de 1791 foi detonador de uma série de agressões por parte dos reinos totalitários que viam com maus olhos a influência democrática polaca. Não bastassem mais de 300 anos da República Unida Polônia Lituânia, onde os magnatas (antigos senhores feudais) elegiam o rei da Polônia, os generais polacas Kościuszko e Puławski participaram ativamente na guerra da Independência das 13 colônias britânicas nas Américas.
Por isso, neste 11 de novembro, a Polônia comemora os 91 anos de sua II República e os 20 anos de sua III Repoública. Nas comemorações em Curitiba, a presença do Vice-Ministro das Relações Exteriores da Polônia, Jan Borkowski.


No concerto, o pianista Sobula apresentará obras de Chopin e Szymanowski, dois dos mais importantes compositores clássicos da história da Polônia.
Marian Sobula é considerado um dos mais talentosos pianistas de sua geração. Graduado em 2006 pela Academia de Música de Cracóvia, onde estudou sob orientação do Professor Andrzej Pikul. Sobula foi premiado em várias ocasiões como no “Yamaha Music Foundation of Europe” em Bydgoszcz (2005), no International Piano Competition em Valladolid - Espanha 2005), Ancona, Foggia, Gorizia, Pordenone, Sulmona e no 47º "Award Citta di Treviso" na Itália em 2003 e 2004. Em 2007 recebeu o “Special Prize” no International Music Competition “Dr. Luis Sigall” em Vina Del Mar, Chile.
A noite festiva começa às 20:00 horas, na Capela Santa Maria, na av. Marechal Deodoro esquina com Rua Conselheiro Laurindo.
Postar um comentário