sexta-feira, 26 de julho de 2013

Nobels da Paz se reunirão em Varsóvia

Em outubro próximo, Varsóvia vai receber alguns dos últimos vencedores do Prêmio Nobel da Paz.
Pela primeira vez, a reunião estará sendo realizada na Europa Central e Oriental. "Solidariedade para a Paz - hora de agir" - é o título da XIII Reunião de Cúpula Mundial dos Ganhadores do Prêmio Nobel da Paz,  que começa em 21 de outubro e vai durar três dias.
Os desafios atuais do mundo e como garantir a paz é o que conversarão o Líder tibetano Dalai Lama, o ex-presidente da URSS Mikhail Gorbachev, o ex-presidente Sul-Africano Frederik Willem de Klerk e a advogada iraniana Shirin Ebadi.
O encontro anual é uma iniciativa do laureado Gorbachev. A primeira vez, esta reunião foi realizada em 2000, em Roma, e hoje é reconhecido como um dos principais eventos do mundo que promovem a democracia, a liberdade e a paz.

A organização do encontro de Varsóvia é iniciativa do Instituto Lech Wałęsa (pronuncia-se lérrr vaúensa).
 Como anfitrião da cúpula deste ano o polaco vai lembrar ao mundo a idéia de atemporalidade do "Solidariedade", daí o título do evento - diz Piotr Gulczyński, presidente do instituto.
O evento deste ano coincide com o 30º aniversário da atribuição do Prêmio Nobel da Paz a Lech Wałęsa em 1983.
"Desenvolvimentos políticos recentes no mundo tendem a uma discussão séria sobre os conceitos de desenvolvimento da era globalização no mundo", diz Wałęsa
"Precisamos encontrar soluções comuns para a construção de um mundo seguro e próspero. Com a ajuda e - Solidariedade - se pode fazer grandes coisas. Ao receber o mundo novamente se ouve -Solidariedade- na Polônia", completa o ex-presidente polaco.
Quem está exultante com a reunião é a prefeita Hanna Gronkiewicz-Waltz. "O movimento - Solidarność - foi um marco no caminho para a recuperação da independência da Polônia. Suas ideias vivem sempre em Varsóvia - uma cidade de liberdade", argumenta a prefeita.
Postar um comentário